terça-feira, 16 de novembro de 2010

e a saga continua

a mamã Kikas está oficialmente de cama...e quando digo cama, é mesmo deitadinha, cheia de cobertores e um arsenal de medicamentos na mesa de cabeceira.

descobri que ter um rolo de cozinha, é mais pratico que lenços de papel...e ver me quando tenho forças para sair da cama, levar o meu rolinho debaixo do braço.

os filhotes ficaram comigo, pois não tinha quem o fosse levar ao colégio...eles estão a divertir-se a grande, pelas gargalhadas que ouço...e eu tremo aqui na cama (não só pela febre, mas pelo cenário de destruição que poderei encontrar).


falamos com o papá J, que esta encantado com a descoberta que fez...quer dizer mais ao menos, um dos seus colegas (um filipino) convidou o para almoçar e foram a um restaurante indiano onde comerão dois por 28 dhinares...qualquer coisa como 5 euros.

diz que está a gostar imenso da experiência...e verdade seja dita, invés de estar no desemprego (algo que pode acontecer já em Dezembro), esta a ganhar experiência internacional que o poderá levar mais longe...para já está (infelizmente) longe da família.


3 comentários:

Dina disse...

As melhoras para ti, linda ;)

Luisinha disse...

Querida Kikas, é muito triste a família estar separada, mas parece-me que é uma causa justa... admiro a vossa coragem. O meu marido sempre viajou bastante, mas nunca muito tempo seguido. Aguentar o barco sozinha não é fácil, e para os filhos então nem se fala, que as minhas filhas quando eram mais pekenas choravam baba e ranho.
Coragem e muita força é o que precisas.
Rápidas melhoras, bjinhos grandes.

Kikas disse...

Dina, obrigada

Luisinha, muito obrigada pela força...por vezes é disso que precisamos, de uma palavra amiga para sentirmos que conseguimos.
obrigada